03
Jun
09

What does Multimedia mean? No, really. | O que é que significa Multimédia? Não, a sério.


Vodpod videos no longer available.

While browsing  the latest addition to my Google Reader list, i found a very concise and elucidative lecture about online media. Kurt Lancaster does a good job explaining the different formats that make a multimedia story and explains what is the difference between scattered multimedia (which is what has been being sold to us as multimedia storytelling) and the paradigm of a true Multimedia story.

An interesting example of  integrated multimedia publishing is Flyp magazine. At a first glance it looks like another Flash flipping page magazines, but it has embedded video, interactive graphics, the works. It is not a perfect example, but it is a cool concept.

To take that leap means a few things: more technically skilled reporters (in audio, video, programming) and more reporters per story. If you want a unique perspective you’ll need good reporters, and they’ll just need time. Believe me, breaking news is the cheapest news commodity out there right now, and 99 % of the news companies won’t stand out trying to go after them. The money is in creating the long feature.

Enquanto esta a explorar a minha última aquisição para a lista do GoogleReader, encontrei uma palestra concisa e esclarecedora sobre que é media online. Kurt Lancaster faz um excelente trabalho a explicar os diferentes formatos que tornam uma história multimédia, e a diferença entre multimedia acessório (que é o que nos tem sido vendido como multimédia) e o paradigma de uma  história em Multimédia integrado.

Um exemplo interessante de uma edição em multimedia integrado é a Flyp magazine. À primeira vista parece mais uma revista para folhear em flash, mas tem vídeo incorporado, gráficos interactivos e outras coisas catitas. Não é um exemplo acabado, mas é um conceito original.

Dar o salto do acessório para o integrado siginifica algumas coisas: repórteres com mais competências técnicas (em video, áudio, programação) e mais repórteres por história. Se querem uma perspectiva única vão precisar de bons repórteres, e dar-lhes tempo. Acreditem, as notícias de última hora são o produto com menos valor aí fora, e 99% das redacções não ganham nada aí. O dinheiro está em contar histórias de fundo.

AddThis Social Bookmark Button

Share on FriendFeed


0 Responses to “What does Multimedia mean? No, really. | O que é que significa Multimédia? Não, a sério.”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


I moved | Mudei-me

140char

Sharks patrol these waters

  • 128,721 nadadores|swimmers
who's online

Add to Technorati Favorites

View my FriendFeed



Twitter

Add to Technorati Favorites Creative Commons License

Naymz | LinkedIn

View Alex Gamela's profile on LinkedIn

View Alex Gamela's page at wiredjournalists.com


Videocast

Top Clicks

  • Nenhum

a

Ouçam o meu podcast AQUI | Listen to my podcast HERE |


My del.icio.us

Use Open Source

LastFM

 

Junho 2009
M T W T F S S
« Maio   Jul »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

%d bloggers like this: